segunda-feira, 2 de abril de 2012

ÁGUA E ÓLEO, DOIS MUNDOS.



“Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, pois eles não são do mundo, como eu também não sou.
Não rogo que os tires do mundo, mas que os protejas do Maligno.
Eles não são do mundo, como eu também não sou.
Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.” (João 17:14-17)

Um dos avisos mais latentes em todo ministério de Jesus foi este, avisar aos eleitos (nós que andamos debaixo da Graça e no Evangelho dEle ) que o mundo não os receberia amistosamente. Jesus, os apóstolos e diversos homens de Deus até os dias de hoje reforçam e vivem esta tese, provaram e provam até hoje o separatismo da religião a todos aqueles que se opõem a ela, independente de sua idoneidade, respaldo no Evangelho, Amor ou qualquer outra forma de validação e legitimação, isto é fato, a religião sempre se opôs e sempre se oporá a toda e qualquer forma de pensamento que seja por ela considerada como ameaça.
Jesus revelou com simplicidade que todo crente não conformado com a religião iria ser odiado por todos religiosos, pois cada um pertence a outro mundo completamente diferente.
Não me refiro neste texto em hipótese nenhuma a ódio ou qualquer hostilidade vinda da parte de pessoas que não tem nenhuma religião, ou não frequentam nenhuma igreja etc, estas pessoas em 99% das vezes, não frequentam uma igreja ou alguma outra religião, ou mesmo nem cogitam a hipótese de se abrir para isso justamente pela religiosidade dos frequentadores das religiões sejam qual for, principalmente dos evangélicos, mas o que significa religiosidade? Ser religioso a meu ver, é uma forma de ignorância seguido de hipocrisia e covardia combinados.
-Ignorância por opção, uma vez que se frequenta a igreja e não lê o Evangelho,
-Hipocrisia pois depois de pouquíssimo tempo dentro de um lugar, todos começamos conhecer pelo menos um pouco de Evangelho e começamos a dar de cara com problemas, mentiras e doutrinas, os hipócritas fingem que não veem nada disso.
-Covardia é o momento onde o crente já tem certeza absoluta que está dentro de um lugar que vive completamente sob doutrinas, ganancias, hipocrisias em fim, religiosidade completa e mesmo assim, por medo de sair e perder amiguinhos, perder um ambiente (clube) bacana este individuo continua ficando e ficando, lamentável.
Estes indivíduos alienados pela religião com suas ignorâncias, hipocrisias e covardias odiaram até mesmo Jesus, odiaram os apóstolos, odiaram os missionários e nos odeiam até hoje, são óleo porquanto somos Água.
Por isso meu chapa, faça como Paulo nos ensinou em momentos de perseguição, dando graças a Deus em todos momentos, pois estes momentos, são o selo de legitimidade de todos que defendem o evangelho de Jesus sem concessões.

Um beijo carinhoso a todos em Cristo.
Thiago Marcone.

Um comentário:

  1. muuuito bom a compreensão, farelinho do estudo de sexta...rsrsrsr

    ResponderExcluir